quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Depressão de Inverno take 1

Mais uma vez me debato sobre o que fazer da minha vida, já que ela está num estado de estagnação (passe a aliteração) tal, que não tenho motivação seja para o que for.

É o meu último ano (assim o espero) da faculdade, após 5 anos de sofrimento por andar atrás de um canudo que não me vai trazer felicidade nenhuma, pois simplesmente odeio o que estou a fazer.

Por outro lado, aquilo que sempre quis fazer da vida, já não faz acender aquela chama de ansiedade, é como se já não fosse isso que eu sempre quis fazer da vida. Penso que isso também se deve ao facto de me ter afastado dessas coisas para não me sentir ainda mais frustrado. Acredito que se voltar a ver e a apreciar isso, volto a ganhar o bichinho, mas a vontade de tomar essa atitude é mais que nenhuma !

Tenho tentado viver um dia de cada vez mas já nem isso me dá mais alento nem me tira o medo de arriscar, de procurar o desconhecido, de recuperar aquilo que perdi ao longo destes anos, de VIVER.

Espero que este momento seja uma daquelas depressões de Inverno que nos dão a todos, e que passe depressa, caso contrário, acho que volto àquele estado vegetativo que não saio de casa e não faço nada!

Necessito de algo que me faça voltar a ter aquela alegria de viver e de sorrir para o mundo.

Tenho dito.

Sem comentários:

Enviar um comentário